Concerto Sinfônico com Ballet

Concerto, com obras de Gounod, Chabrier e Debussy, tem duas coreografias inéditas, criadas especialmente para o espetáculo. Parceria SCAR e FEMUSC, concerto tem duas únicas apresentações, em Jaraguá do Sul e Curitiba. Ingressos gratuitos já estão disponíveis na bilheteria da SCAR.

A Orquestra Filarmônica e a Escola de Dança SCAR se uniram para criar um espetáculo único: o Concerto Sinfônico com Ballet. Terceiro concerto da temporada 2019 da Filarmônica, as apresentações com 40 músicos e 11 bailarinos serão no dia 21 de setembro, 20h, no Grande Teatro SCAR, em Jaraguá do Sul e no dia 22/9, 19h, no Teatro Guairinha, em Curitiba.

A partir do repertório selecionado pelo Maestro André Dos Santos, que inclui obras de compositores do século XIX como Gounod, Chabrier e Debussy, o coordenador de dança da SCAR, Egberto Saurini criou duas coreografias inéditas para o grupo de ballet clássico de onze bailarinos. “As obras não foram criadas para ballet, não têm uma história por trás, então demos liberdade total para que fossem criadas coreografias novas e originais a partir dos sentimentos que a música desperta”, explica o maestro André Dos Santos, coordenador artístico da SCAR.

Para o coreógrafo Egberto Saurini, o desafio foi criar o espetáculo levando em conta também a experiência e técnica dos alunos de dança, todos jovens com média de idade de 16 anos, e a adequação da coreografia para diferentes tamanhos e configurações de palco.

“A coreografia da Suite Pastorale me permitiu imaginar uma história em que jovens camponesas se apaixonam por um rapaz da vila. Já na Sinfonia n. 1, de Debussy, optamos por um estudo de movimento, um processo em que a coreografia vai se moldando aos bailarinos durante os ensaios.”, explica Saurini. “Para os músicos, é uma experiência única dançar com uma orquestra tocando ao vivo, a emoção e o impacto são muito maiores”, completa.

Depois de seis noites com teatro lotado em Jaraguá, a Orquestra parte agora para apresentações fora da cidade. Além de Curitiba, em setembro, os músicos seguem para Florianópolis em outubro. Para 2020, a expectativa é de ampliar o número de cidades na turnê. O objetivo, além de levar a música produzida em Jaraguá para outras cidades, é divulgar os projetos culturais da SCAR e o FEMUSC, em busca de novos apoiadores.

Os dois concertos, realizados pela SCAR (Sociedade Cultura Artística) em parceria com o FEMUSC (Festival de Música de Santa Catarina), são totalmente gratuitos. Os ingressos para a apresentação em Jaraguá do Sul já estão disponíveis na bilheteria da SCAR. Os ingressos de Curitiba serão distribuídos no Teatro Guairinha a partir das 14h do dia do concerto.

 

ESCREVA UM COMENTÁRIO