XI Feira do Livro de Jaraguá do Sul

A literatura, evidenciada em todos os sentidos movimenta Jaraguá do Sul entre os dias 10 e 20 de agosto. O Centro Cultural SCAR recebe mais uma edição da já tradicional Feira do Livro de Jaraguá do Sul, com uma programação intensa.

O evento, que chega à 11ª edição, tem acesso livre e gratuito e, além da comercialização de milhares de títulos, ainda oferece ao público a oportunidade de conhecer importantes nomes da cultura nacional.

Neste ano, por exemplo, entre os convidados especiais estão nomes como Fernanda Young, Fabrício Carpinejar, Eduardo Spohr e Ricardo Aleixo. Além disso, a agenda da feira ainda conta com contações de histórias, lançamentos de livros, apresentações teatrais, mesas-redondas e concurso de declamação.

Segundo o coordenador geral João Chiodini, o objetivo é fomentar a leitura pelo prazer de ler, mas também mostrar que ela abrange toda a vivência humana. “Como alerta social, como expressão de ideias, como uma provocação para o questionamento”, complementa. Para isso, a feira aproxima os leitores de convidados que traduzem exatamente esse pensamento. “Eduardo Spohr é um ícone da literatura fantástica. Fabrício Carpinejar, poeta e cronista, que descreve os sentimentos humanos com maestria em seus textos. Já o Ricardo Aleixo e a Fernanda Young traduzem um pouco do que é a filosofia da feira do livro, onde sempre prezamos em apresentar todos os gêneros que se utilizam da palavra”, explica.

Outro enfoque interessante relacionado à Feira do Livro de Jaraguá do Sul, conforme Chiodini, é o da literatura feita por vozes que costumam ficar mais abafadas, como as das mulheres. “Na atual fase social brasileira, vemos que não basta trazer uma mulher forte, que escreve bem. Mas, também temos que trazer alguém que faça tudo isso e seja uma voz firme e latente para falar pelo movimento feminista”, resume.

A Feira do Livro tem como endereço o estacionamento do Centro Cultural SCAR. No local, uma tenda de cerca de mil metros quadrados abriga 16 expositores com milhares de títulos à venda. Durante os 11 dias de evento, a estimativa da organização é receber em torno de 65 mil visitantes, que podem acessar as atrações das 9h às 21h, de segunda a sexta-feira, das 9h às 19h, nos sábados, e das 10h às 18h, nos domingos.

ESCREVA UM COMENTÁRIO